terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

CARNAVAL NA CIDADE VELHA (PARA SER COPIADO)


Depois da terrivel experiencia do "carnaval" nas praças tombadas da Cidade Velha é mais do que justo levar ao conhecimento público o que acontecia numa ruinha daqui do bairro. 
Deram um exemplo de como podemos nos divertir sem sujar o ambiente, não causar danos ao patrimônio, nem aborrecimentos aos moradores. Até copos eles tinham.

Importante sublinhar como "defendiam" a nossa memória carnavalesca num bairro tombado:
- com bandinha,
- que tocava musica dos carnavais passados;
- sem provocar poluição sonora;
- com fantasias e mascarados, em vez de abadás;
- com serviços de limpeza atras do bloco;
- com faixas lembrando onde se encontravam.
- etc., etc., etc.

Uma postura invejavel que bem podia ser copiada principalmente por quem autoriza o uso de praças tombadas sem mandar fiscalizar o respeito de um mínimo de civilidade.




   " O Xibé da Galera é um bloco familiar, que acontece há oito anos e conta apenas com a ajuda financeira de moradores do bairro da Cidade Velha, de alguns dos fundadores e  que  reúne mais de 2500 brincantes entre moradores do bairro, amigos e convidados.



         Levamos a cultura do carnaval para todas as classes, de modo livre onde todos podem participar independente de sua condição social ou qualquer outra discriminação. 

         O Xibé já faz parte da identidade do bairro e fazemos da cidade velha palco de uma festa linda e segura, resgatando os valores do verdadeiro carnaval. 

 Nos preocupamos com a preservação de nossas praças, igrejas, residencias, ruas e principalmente das famílias que neste bairro residem.




Queremos servir de exemplo para outros blocos que aqui desfilam, provar que com responsabilidade e respeito podemos brincar carnaval em qualquer lugar.


Esse é o Xibé da Galera, movido pela alegria do carnaval com muita responsabilidade social e ambiental. "

Quantos outros respeitam o nosso Patrimônio Histórico e o próximo, assim?
Por que não deve ser desse jeito o carnaval no Centro histórico??

ESTE É UM EXEMPLO A SER USADO....COMO EXEMPLO.



          PARABÉNS A DIREÇÃO E AOS BRINCANTES 
                         DO XIBÉ DA GALERA.

7 comentários:

Franssinete Florenzano disse...

Que legal, Dulce Rosa! Esse bloco ainda existe?

Marycélia Moraes disse...

Existe sim minha querida. Eu como um dos diretores e fundadores do bloco, em nome de toda família Xibé da Galera digo que ficamos felizes por esta homenagem e podemos mostrar o quanto podemos brincar com responsabilidade e com respeito ao proximo. Graças a Deus estamos conseguindo nosso objetivo que é resgatar o verdadeiro carnaval de rua sem discriminação social

Marycélia Moraes disse...

Existe sim minha querida. Eu como um dos diretores e fundadores do bloco, em nome de toda família Xibé da Galera digo que ficamos felizes por esta homenagem e podemos mostrar o quanto podemos brincar com responsabilidade e com respeito ao proximo. Graças a Deus estamos conseguindo nosso objetivo que é resgatar o verdadeiro carnaval de rua sem discriminação social.
ass. Fábio Montenegro

Valdemiro Gomes disse...

O exemplo é a melhor via para mudar
Parabéns

Franssinete Florenzano disse...

Parabéns, Fábio Montenegro e Maycélia Moraes! Vou fazer um post sobre vocês! Grande abraço! Abraço ao Valdemiro Gomes e à querida Dulce Rosa!

Franssinete Florenzano disse...

Parabéns, Fábio Montenegro e Maycélia Moraes! Vou fazer um post sobre vocês! Grande abraço! Abraço ao Valdemiro Gomes e à querida Dulce Rosa!

LABORATORIO DE DEMOCRACIA URBANA “Cidade Velha-Cidade Viva” disse...

É o caso de acrescentar... e sem ajuda da Lei Semear, quem na verdade nasceu para outros fins.