quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

É DO NOSSO INTERESSE

A CiVViva, juntamente com a Catedral, Colégio do Carmo, Forum Landi e moradores do Beco do Carmo saem as ruas no próximo sabado (01/03) para iniciar a coleta de assinaturas a serem entregues a quem cuida da nossa segurança.

Todos os cidadãos podem assinar.
---------------------------------

O aumento da insegurança no nosso bairro nos obriga a sair à procura de todos os moradores para, irmanados, tentarmos uma ação com vistas a barrar tal situação.

- Não se trata de uma simples onda de violência que se abateu sobre a Cidade Velha, mas de um verdadeiro tsunami. Para evitar que aumente ainda mais, é necessário cobrar do Governo medidas realmente eficazes no combate ao aumento da violência.

- A insegurança social, fruto em parte de uma sociedade imatura e despreparada, acabou se alastrando como rastilho de pólvora e se encontra hoje instalada em cada rua, em cada esquina, em cada praça.
Precisamos fazer algo.

- Lamentavelmente, sabemos que a violência começa por gestos inocentes e depois evolui para manifestações cada vez piores de barbárie. Na raiz disso, sempre estão a impunidade e a permissividade.

- Todos reconhecemos a responsabilidade do Estado para com a segurança de seus cidadãos, porém, a ausência de políticas de repressão à criminalidade que dêem resultados evidentes, contribui para aumentar a sensação de injustiça e impunidade.
Todos sentimos isso na própria pele.

- As soluções para a questão da violência urbana existem. A grande pergunta é: existe vontade política para fazê-lo? Outra pergunta que ainda podemos fazer: nós somos suficientemente maduros para pretender um compromisso sério com a segurança pública por parte de quem nos governa?

Este abaixo assinado quer ser um passo nessa direção.

Precisamos demonstrar nossa insatisfação e pedir providências concretas.


Moradores da Cidade Velha:
A omissão nunca foi uma boa conselheira.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLEIA ORDINARIA

CONVOCAÇÃO ASSEMBLEIA GERAL ORDINARIA



Pelo presente edital de convocação, eu, Presidente da CiVViva, no uso das atribuições conferidas pelo art. 12 do Estatuto, convoco os sócios para reunirem-se no dia 4 DE MARÇO DE 2008, às 19 horas, na sede do Forum Landi, na Praça do Carmo, canto com a Trav. D. Bosco, onde será realizada a Assembléia Geral Ordinária dos sócios da Associação.

Da pauta consta:
- relatório atividade da Diretoria Executiva;
- prestação de contas;
- orçamento geral;
- eleição membros Diretoria Executiva;
- o que ocorrer.

Belém, 18 de fevereiro de 2008


Atenciosamente


Dulce Rosa de Bacelar Rocque
Presidente

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

CARTA ABERTA À GOVERNADORA

Exma. Sra.
M.D.Governadora do Estado do Pará
Dra. Ana Julia Carepa

Com notas de janeiro e julho do ano passado, esta Associação de Moradores e Amigos da Cidade Velha (CiVViva), escreveu pedindo providencias relativamente à segurança pública neste bairro. As respostas recebidas falavam da criação de duas novas policias especiais que, realmente, vimos pelas ruas.

Acontece que, um grupo de delinqüentes continua tirando a paz e o sossego dos moradores e freqüentadores da Igreja, do Colégio, da Praça do Carmo e dos arredores. Os assaltos acontecem todos os dias e noites. Usam facas e revolver para tal fim, de fronte a quem estiver por perto e depois correm para o chamado Beco do Carmo, que tornou-se um covil. Não se contentam, inclusive de usar a praça como campo de futebol, impedindo o uso dela por famílias com crianças, provocando danos aos carros estacionados e a outros bens de residentes e negociantes.

A situação está insustentável e calar nos tornaria coniventes com quem comete tais atos. A insegurança aumentou em todo o bairro tanto que levou a diminuir o numero de freqüentadores das missas e a deixar amedrontados, vista tanta audácia, até quem convive com eles porta a porta.

Sabemos que não está nos seus planos colocar PMBox em nenhum lugar, mas constatamos que o método usado - Rocam e Rotam- não está surtindo muito efeito, ao menos por aqui. Visto que toda regra tem exceção: a Praça do Carmo não merece uma dessas? Uma outra sugestão pode até ser o retiro de todas aquelas palafitas sem algum saneamento que fecham a Tr. D. Bosco. Desse modo, além de resolver o problema reabriria, inclusive, uma rua fechada abusivamente anos atrás que esconde mais uma vista para o rio

Desculpe a insistência, porém, antes que apareça um morto, por favor, tome providências que dêem melhor resultado ao menos na Cidade Velha. Estamos todos muito preocupados e não sabemos o que fazer, além de pedir sua atenção..

Atenciosamente

Dulce Rosa de Bacelar Rocque
Presidente CiVViva

A qualidade de uma cidade depende da qualidade de seus cidadãos ( S. Tomas)

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

2008 - ANIVERSÁRIO CIVVIVA


Na noite do aniversário da CiVViva, os sócios mais assíduos se encontraram na Praça do Carmo para festejar o primeiro ano de vida oficial da Associação.
Os comes e bebes, oferecidos por sócios e amigos (por ex. Dudu Kawage e Guaraná Soberano), foram apreciados por todos.
Aqui fica o nosso agradecimento a todos os que ajudaram e apoiaram as nossas atividades nesse primeiro ano de vida.
Valeu!

LABORATÓRIO DE DEMOCRACIA URBANA



No dia 11 de janeiro de 2008, por ocasião da comemoração do primeiro aniversário da CiVViva, constituimos o Laboratório de Democracia Urbana "Cidade Velha-Cidade Viva".
No Auditório João Batista da Assembléia Legislativa, em presença de cerca 100 convidados, foi realizado um Seminário para discutir e avançar propostas finalizadas à recuperação do ponto de vista civil, urbanistico, social e economico do nosso bairro.
Na foto, algumas das sócias presentes ao evento.

2007 - NATAL NA PRAÇA DO CARMO


A CiVViva também festejou o Natal com as crianças carentes do bairro. Brinquedos de antigamente foram distribuidos. Tratava-se de : petecas, cordas para pular, bambolê, pião, etc.
O Papai Noel divertiu as crianças.

2007 - QUANDO FIZEMOS TAI CHI CHUAN NA PRAÇA


Durou dois meses a nossa "oficina" de Tai-chi-chuan na Praça do Carmo. Com o começo das chuvas fomos obrigados a interromper.
Valeu!
Possivelmente voltaremos no pos proximos meses.